top of page
Buscar

O que é fazer marketing de propósito?

O propósito como condição de sucesso de uma empresa, marca ou organização

Faz 12 anos que Simon Sinek lançou o seu livro Start with Why o livro que dá origem a um dos Ted Talks mais vistos de sempre How Great Leaders Inspire Action


Simon Sinek com o seu Golden Circle, foi pioneiro a colocar o porquê no centro da equação de uma empresa bem sucedida. Ele explicava que as empresas na maioria sabem o que fazem, o que produzem; algumas sabem como o fazem e isso já as distingue da maioria; e poucas empresas sabem porque o fazem. O porquê é o propósito de uma organização e desde então muitos se têm debruçado para demonstrar como este porquê é determinante para o sucesso de uma iniciativa. O porquê não é o lucro que gera, isso é o resultado, é o impacto que gera.


Impacto e sustentabilidade são termos que já integrámos, no entanto, falar da criação de empresas e organizações com propósito parece estar ainda num universo pouco tangível. Isto é percetível quando me perguntam o que faço e o que é isto do marketing de propósito.


Mesmo aqueles que consultam os meus serviços para criar uma iniciativa alinhada com o seu propósito, têm muitas dúvidas sobre se o mesmo se pode concretizar numa atividade que gera resultados.


Também senti durante algum tempo essa dúvida, que se adensa quando decidi abraçar o desafio de gerir uma organização sem fins lucrativos. Foi um período que me trouxe muito mais que os benefícios tangíveis de uma atividade que gera rendimento. No entanto, não me permitiu manter todas as áreas da minha vida em equilíbrio.


Esta passou a ser a questão que me fez percorrer o caminho até aqui: como desenvolver uma atividade que gera impacto positivo, está alinhada com o meu propósito e permite equilibrar as várias áreas da minha vida?


O que entendemos como propósito está muitas vezes ligado a uma emoção. Propósito encontramos nas ações e atividades que fazemos com prazer. Onde tudo parece estar em sintonia. Onde sentimos ser fácil e natural despender energia e mobilizar outras pessoas e recursos para concretizar o que entendemos ser a nossa missão. Propósito encontramos naqueles momentos da nossa história em que nos sentimos como peixe na água. O espaço onde nos movimentamos sem atrito, onde há desafios vários que resolvemos com resiliência mas sem resistência.

Por isso o meu ponto de partida para desenvolver uma proposta de marketing de propósito é conhecer a pessoa ou conjunto de pessoas que querem dar origem, ou reformular uma empresa ou organização. Começo por pedir para me contarem a sua história, o que pode parecer às vezes um processo intrusivo. Sei que é lá que vamos encontrar os momentos chave que contêm os ingredientes necessários para criar um empreendimento de sucesso. Neste percurso, tento decifrar os valores que orientam a ação, identificar as paixões, as competências, até encontrar o ponto de interceção entre esses mesmos valores, paixões, experiência e conhecimento. Porque é nesse ponto que está o nosso porquê e, consequentemente, aquela que será a nossa vantagem competitiva.

Se o propósito está sempre ligado a uma causa social ou ambiental? Não. Está sim sempre ligado a algo que nos realiza como pessoas porque resulta da integração das diversas dimensões da nossa vida: física, material, espiritual, intelectual, criativa, emocional.


Se tem necessariamente de ser sem fins lucrativos? Não. Deve sim permitir gerar o que entendermos necessário para termos o estilo de vida que desejamos.


Se o propósito permite criar soluções que geram impacto positivo em nós e no que nos rodeia? Sim. O propósito na base de qualquer iniciativa pressupõe o desenvolvimento de ações que impactam positivamente o meio envolvente. E isso também nos realiza.


Fazer marketing de propósito é isto: desenhar estratégias de negócio sustentáveis que partem do que nos realiza como pessoas. Estratégias que integram as nossas diversas dimensões e que permitem criar verdadeiras propostas de valor para o mercado, porque resultam no desenvolvimento de produtos e serviços que impactam positivamente a comunidade. Se geram impacto positivo, têm valor e vão ser bem aceites. É um ciclo virtuoso. Nesta abordagem não há receitas únicas. Há o meu propósito: um encontro entre a minha história, os meus valores, as minhas paixões e o meu conhecimento, que deu origem a uma metodologia de trabalho colaborativa para apoiar a criação da tua empresa, marca ou organização de propósito.


E estamos no momento certo para fazer este percurso. Porque todos os dias há novos estudos que demonstram que o mercado caminha para o aumento da procura por marcas, empresas e organizações que se envolvem ativamente na defesa do mundo que as rodeia.

173 visualizações

Comments


bottom of page